Seletor idioma

Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Histórico
Início do conteúdo da página

Histórico do ICB

Publicado: Sábado, 18 de Abril de 2020, 15h29 | Última atualização em Segunda, 16 de Novembro de 2020, 10h01 | Acessos: 392

 

História do Instituto

O Instituto de Ciências Biológicas - ICB,  foi criado, como como Unidade Universitária, em 1970 conforme Art. 6º. do Estatuto da UA aprovado pelo Decreto nº. 66.810 de 30 de Junho de 1970, assinado pelo Presidente da República Emílio G. Médici, tendo como base o Parecer n॰ 433/70 do Conselho Federal de Educação. Tem suas raízes no curso de Ciências, criado pela Resolução n॰ 30/66/GR, junto a Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras. Na primeira versão do Estatuto da Universidade (1965), consta do art. 12, item 4, com denominação de Instituto Central de Biologia (Brito, 2009).

Estrutura Administrativa

Administrativamente, o ICB é composto pelo Conselho Departamental - CONDEP; Direção e Vice-Direção; Colegiado dos cursos de Graduação;  e Colegiado dos Cursos Pós-graduação.

Infraestrutura

Fisicamente, o ICB ocupou até o ano de 1977 prédios alugados no centro de Manaus, porém neste mesmo ano foi transferido juntamente com as unidades acadêmicas da Faculdade de Tecnologia (FT) e o Instituto de Ciências Exatas (ICE), para a área do então denominada Mini-campus, atualmente denominado Setor Sul do Campus UFAM. Em 1986, a faculdade de Ciências Agrárias (FCA) se desmembrou oficialmente do ICB, porém continuou a ocupar as instalações dos antigos prédios do Mini-campus até que, em 2012, inaugurou-se os dois blocos atuais da FCA. Foi neste mesmo ano, em que iniciou-se as obras dos dois novos blocos do ICB, situados paralelamente, atrás dos prédios da FCA, sendo entregues em 2015 (Maron et al 2012), porém sua inauguração oficial aconteceu somente dois anos depois, em 2017, como foi documentado em vídeo pelo Programa Amazônia Sem Fronteira (2017).

O Biotério setorial, desde a sua fundação em 1983 até 2006, foi ligado ao ICB, que era administrado pelo Departamento de Ciências Fisiológicas (DCF), sob coordenação do Professor Dr. Luiz Frederico Mendes dos Reis Arruda. Porém, no ano de 2008, a administração do Biotério Central passou a ser subordinada à Reitoria da Universidade Federal do Amazonas, pela Portaria GR nº 1919/2008 de 10 de setembro de 2008, Dirigida pelo Professor Dr. Fábio Tonissi Moroni (Biotério, 2018).

  

Corpo Técnico/Docente

O

Ensino/Pesquisa e Extensão

O s 

 

Referências

Brito, R. M. D. (2009). 100 anos UFAM. Manaus: Editora da Universidade Federal do Amazonas.

Fim do conteúdo da página